Você faz toda a diferenca!

quarta-feira, 2 de março de 2011

O que te faz feliz?


Tinha no grupo de futebol do Daniel uma mae que tinha sempre um sorriso aguado e olhar triste. Dava para perceber que ela se sentia diminuída no grupo onde algumas mulheres nao trabalhavam, só cuidavam da casa e dos filhos enquanto que ela pegava firme e duro com o marido. Eu, muitas das vezes pedia a ela que levasse o Daniel para os torneios, pois nesta época a Viviane era bebê ainda e era uma trabalheira tremenda ficar esperando no frio, chuva e neve que eles jogassem.

Certa tarde, ela chegou com um sorriso de orelha a orelha. Perguntei a ela se ela tinha aniversário o que ela me disse que nao. Entao perguntei se ela tinha ganho na Loto, rs. E ela me respondeu: Quase.
O motivo de tanta alegria era a compra de um novo carro. Grande, espacoso, ela pequena como eu, agora podia dirigir o novo carro que era alto e de dentro ela podia ver bem melhor a estrada.

Desde este dia essa mulher nao tem mais o sorriso aguado ou o olhar triste. Hoje, eu a vi na cidade. Fazia tempos que eu nao a via e lá estava ela com o mesmo sorriso de 3 anos atrás.

E contigo, o que você tem que você nao gosta, mas carrega como um peso? Nao dá para se ver livre dele?

Atenção: É expressamente proibido a cópia deste texto e imagens sem a autorização prévia do autor.

31 comentários:

shan-Tinha disse...

sempre queremos o que não temos, assim que conseguimos já começamos a querer outros querer(es), preciasamos aprender a ver, enxergar mais e melhor o que nos rodeia. bjs de alegria e descobertas!!!

João Menéres disse...

Se eu me vir livre da idade morro, não é ?
Então, GEORGIA, deixa estar assim.


Um beijo.

Pedrita disse...

as conquistas nos fazem felizes, e às vezes são conquistas até pequenas. nesse momento eu preciso muito de trabalho e de dinheiro para me manter. isso tem me deixado muito tensa ou desanimada. tudo alterna. beijos, pedrita

Mylla Galvão disse...

Gê,

O que eu mais queria, eu não posso ter de jeito nenhum...
Pq é uma lei plena de Deus... A minha mãezinha de volta...
Então... vamos vivendo...
Eu estou ótima... E vou viajar no Carnaval...
E obrigado pela visita!

bjo

BIA disse...

Oi Georgia!!!
Passei para dar um oi!!! Pra mim a vida é um presente de Deus e viver cada dia, cada amanhecer é realmente uma benção, e isto já é motivo para se sentir muito feliz!!! A felicidade para cada um é muito relativo, mas penso que vem de dentro para fora.
Ah! Adorei o teu quadro de fotos com todas as fases da tua vida, que legal, muito bonito e criativo!!!
Boa semana!!!
Beijos
Bia

Chica disse...

Em primewiro lugar adorei a abertura do blog.Linda! Parabéns!

Quanto aos que me faz feliz, são pequenas coisas sempre...As grandes sempre me trazem preocupações...Engraçado isso!

Um beijo, ótimo MARÇO pra ti!chica

Mimirabolante disse...

Eu tbm me contento com pouco e acho que ja tenho muito.......AgradeÇo tudo,todos os dias.......nao sofro de insatisfaÇao ,graÇas a Deus !!!!!bjcas....

Amanda Luna disse...

Acho que para ela esse carro devia respresntar um sonho e a realização foi importante para completá-la. As vezes a gente se pega sonhando com alguma coisa e ao lutar por aquilo, quando se conquista é a melhor coisa do mundo... ach oque sei com oela se sentiu!!!
beijão
www.sermulhereomaximo.com.br

Regina d'Ávila disse...

Primeiro quero parabenizar pelas fotos incríveis, maravilhosas no cabeçalho...Ficou fantástico!! Adorei!!
Quanto ao desejo de felicidade..
Consegui alcançar neste começo do ano e espero, desejo, que continue assim..:)) Paz, saúde e amor.
Meu sorriso? De uma ponta a outra. Se colocar batom, suja a orelha...rsrs :)
Super doces, carinhosos beijossss,
obrigada pela visita...Amei!!
Regina d'Ávila.

Camille disse...

O que me faz felizé saber que esta tudo bem. Tranquilidade. Aí muitas coisas me fazem feliz, me fazem vibrar, como essa musica do Tom Jobim, por exemplo.
Bjos e que lindo mural com suas fotos!!!

soniaconsult disse...

Parabéns pelo mural, muito bacana.
Eu sou feliz, mas se tivesse um carro, nem que fosse pequeno...meu sorriso nem seria de orelha a orelha, daria uma volta de 90 graus!
bjus e boa noite.

Allan Robert P. J. disse...

Gostei das fotos.

Georgia,

Algumas coisas incomodam e podem ser resolvidas. Outras, incomodam e devemos conviver. Procuro dar atenção ao que realmente é importante e não me deixar influenciar pelas coisas negativas que não podem ser mudadas. Otimismo?
:)

Adriana Alencar disse...

Olá Georgia!
Vim retribuir a visita. Seu blog é muito interessante, eclético e bem escrito.
Nos moramos em Tessalônica mas, na verdade, nos mudaremos por tempo indeterminado para o Brasil na semana que vem, pois a crise econômica aqui está deixando tudo muito difícil, e quero aproveitar agora que meus filhos são pequenos para que não sofram tanto com a mudança brusca. Para mim será tranquilo mas para meu esposo, que é grego e não tem relação nenhuma com o país, acredito que terá momentos bem dolorosos. Estamos confiando em Deus e a blogsfera tem sido uma terapia para mim, pois não é fácil deixar a casa e os sonhos e partir para algo totalmente novo...
Foi muito bom conhecer você ! Estarei passando por aqui e volte sempre lá no blog, é muito bem vinda!
Beijo
Adri

Ju disse...

Oi Georgia tudo bem?
Obrigada pelo recado no blog. Adorei seu blog!
Seu filhos sao lindos, sua filha eh uma boneca, quero uma igual, ehehe!!
Voce mora aonde na Alemanha? Eu estou em Dortmund.

Abraco,

Juliana

Bergilde Croce disse...

Goergia,
És belíssima e já dou meus parabéns!(mosaico de fotos suas... show!)
A felicidade não tem preço,frase que já ouvimos milhares de vezes e o que repito exautivamente também.Aprendí a renunciar algumas coisas materiais e a dar mais valor às necessidades de relacionamento humano.Sou feliz quando consigo reunir ao meu lado os amores brasileiros(pais e mano querido) e amores italianos!
Abraços pra ti!

Gisley Scott disse...

Oie Gê,

eu acredito que se a gente não está contente onde está agora, quando os presentes chegarem, não faremos o alarde que precisa ser feito.Presentes e mudanças boas são ótimas, mas não são capazes de nos fazer felizes ao longo prazo, mas entendo o motivo do post: para ela, esse carro fez toda a diferença pq lhe deu um novo propósito.Talvez seja isso que esteja faltando nos nossos dias: um propósito, um porque que faz a gente levantar de manhã pra fazer o que a gente faz.

Vanessa disse...

Tudo o que eu gostaria de ter mais é tempo para cumprir meus projetos. Mas isso é um mal da humanidade, não é só meu. Seguiremos lutando :-)

bjs

Um brasileiro disse...

oi. tudo blz? estive por aqui. muito legal. gostei. apareça por la. abraços.

Tucha disse...

Pois é cada um busca a sua maneira de ser feliz. Tem até um poema de Arnaldo Antunes bem legal sobre isto, que comentei no blog há algum tempo.

http://50possibilidades.blogspot.com/2010/01/tal-felicidade.html

pensandoemfamilia disse...

Olá
Seu mural está lindo.
Sabe eu valorizo cada conquista que tive. Sou de bem com a vida. O que fico sempre querendo e querendo mais, mesmo que já as faça, são as viagens. Adoro conhecer novos lugares, isto me aumenta a felicidade de se vivente.
bs

casa decorada disse...

Vizinha,eu estava indo pegar uma xícara de açúcar na amiga ao lado, quando passei e vi as luzes de sua casa (blog) ...nossa que lindo aqui ...
Quando tiver um tempinho passe lá em Casa para um café...
Se resolver se hospedar por lá , preparo minha melhor roupa e também venho para ficar !
Se precisar de algo é só gritar ,moro nas montanhas e por lá tem eco.
Meu nome é Valeria

Renata Peixoto disse...

Oi Georgia
Tudo bem com vc?
Olha, sou uma pessoa que, no geral, não preciso de muito pra ser feliz. Quem convive comigo sabe disso.
Mas, sem dúvida, o que me faz plenamente feliz é ver meu filho feliz. Isso me basta!
Falando nisso, não sei se vc leu lá no blog, ele foi aprovado na FGV em SP...quer felicidade maior que essa??? rs
Beijão querida!

Eduardo P.L disse...

Georgia,

PARABÉNS pelos 50 anos!!!
Você esta muito bem, NELES!!!!! srsr

Bjs

Angela disse...

Olá Georgia, felicidade para mim é ver meus filhos felizes. Eu estou com um sorriso de orelha a orelha desde que sai do Brasil, rsrsrs! Beijos e um ótimo dia!!

Menina no Sotão disse...

Ai Georgia, desculpe, mas eu fiquei com pena dessa criatura humana e o pior é que eu sei que existem dúzias de pessoas assim. Lamentável. Enfim, no momento nada me faria mais feliz que ver meu cão recuperado. Ele está adoentado há dias e tomando remédio. As vezes melhora, as vezes piora e isso me deixa tristinha, mas tenho o meu sorriso sempre nos lábios, afinal, o sorriso é o melhor remédio para a alma.
bacio carissima e bom fim de semana

Lúcia Soares disse...

Georgia, parabéns pelo mosaico de fotos. Posso lhe dizer, sem dúvida, que você é como o bom vinho...
Dia 08 teremos comemoração grandiosa? Você bem merece!

Olha, para mim, a felicidade está no SER, não no TER. Toda vez que estou bem feliz, é por algo que não passou pelo material.
Paz de espírito me faz feliz.
Meus filhos, meus netos, me fazem feliz.
Ter saúde, amor, paz, me faz feliz...
Beijo!

casa decorada disse...

Vizinha,eu estava indo pegar uma xícara de açúcar na amiga ao lado, quando passei e ví as luzes de sua casa (blog) ...nossa que lindo aqui ...
Quando tiver um tempinho passe lá em Casa para um café...
Se resolver se hospedar por lá , preparo minha melhor roupa e também venho para ficar !
Se precisar de algo é só gritar ,moro entre as montanhas e por lá tem eco.
Meu nome é Valeria , mas pode gritar KIM ...que é meu apelido!

Fabrício Santiago disse...

Olá, desculpe invadir seu espaço assim sem avisar. Meu nome é Fabrício e cheguei até vc através do Blog "relacionamento, vida e cotidiano". Bom, tanta ousadia minha é para convidar vc pra seguir meu blog Narroterapia. Sabe como é, né? Quem escreve precisa de outro alguém do outro lado. Além disso, sinceramente gostei do seu comentário e do comentário de outras pessoas. Estou me aprimorando, e com os comentários sinceros posso me nortear melhor. Divulgar não é tb nenhuma heresia, haja vista que no meio literário isso faz diferença na distribuição de um livro. Muitos autores divulgam seu trabalho até na televisão. Escrever é possível, divulgar é preciso! (rs) Dei uma linda no seu texto, vou continuar passando por aqui...rs



Narroterapia:

Uma terapia pra quem gosta de escrever. Assim é a narroterapia. São narrativas de fatos e sentimentos. Palavras sem nome, tímidas, nunca saíram de dentro, sempre morreram na garganta. Palavras com almas de puta que pelo menos enrubescem como as prostitutas de Doistoéviski, certamente um alívio para o pensamento, o mais arisco dos animais.


Espero que vc aceite meu convite e siga meu blog, será um prazer ver seu rosto ali.


Abraços

http://narroterapia.blogspot.com/

Mi disse...

Acho que cada um carrega um peso...mesmo que temporario. Isso eh ate normal...o que eh importante eh a gente se livrar regularmente dos pesos, justo pra nao desaprender a sorrir.bjs!

Ivana disse...

Georgia, eu sou uma pessoa privilegiada, graças a Deus. Não tenho muito do que reclamar. Mas eu adoraria me livrar de alguns quilos extras que tenho. Parece fácil, mas pra mim não é. Não quero virar paquita a esta altura do campeonato, mas apenas me sentir mais leve...
Beijos!

Cris Caetano disse...

Ih, vou ter que fazer a maior lista do que me faz feliz... rsrs até comida me deixa feliz, veja só.

Meu pai dizia que podiam me dar um alfinete de presente que eu abria facilmente um sorriso de orelha a orelha, então acho que um miminho, seja ele qual for, me deixa muito feliz.

Beijão