Você faz toda a diferenca!

quinta-feira, 17 de junho de 2010

Qual a cor do seus sonhos?

Todos nós temos os nossos sonhos, mas se pararmos para pensar, dentre os 60 mil pensamentos por dia que temos, realizamos bem pouco.
Quando eu converso com alguém que vive no Brasil, percebo que o que as pessoas mais desejam é que a corrupcao acabe, que a criminalidade acabe, que a falta de emprego acabe e assim por adiante. Sao muitos sonhos frustrados porque a onda do "nao conseguir" se tornou enorme diante de tantos obstáculos que as pessoas têm que superar no seu dia a dia.

Grantir o futuro dos nossos filhos está se tornando um sonho quase que impossível.
Manter o nosso emprego dentro do mercado de trabalho que está cada vez mais exigente, está se tornando algo quase impossível de mantê-lo, pois a cada minuto aparece alguém que sabe fazer alguma coisa melhor que eu, melhor que você...
Sinto que com tanta concorrência no mercado muitas pessoas estao perdendo a cor dos seus sonhos.
Outros vivem tao afastados do mundo atual que vivem entregues à rotina, rendidos aos obstáculos, nao têm mais forcas e também nao querem mais reagir e ai estao desistindo dos seus sonhos.
Nao podemos nos deixar abater pelas pedras que vao aparecer na nossa frente.
Em algum momento seu sonho vai ficar tao colorido que você vai brilhar. Nao desista!

Atenção: É expressamente proibido a cópia deste texto e imagens sem a autorização prévia do autor.

29 comentários:

Poesia do Bem disse...

Texto verdadeiro! saudades, vem ver minha noivinha caipira! bjsssssssssss

Mel disse...

Gostei muito do que li. É a realidade de nosso tempo. Também escrevo algumas coisinhas... mas nem sei colocar fotos e mensagens ao mesmo tempo...rsrsrs.

Manifesto Interno disse...

Sonhar faz bem à alma, muitas vezes é o que nos resta...

do seu comentário em meu blog, me fez sorrir, porque somos muito diferentes. E me fez refletir. geralmente quando vou a um blog penso na pessoa e no nome dela, o nome do blog vem por último, até porque nome de blog pode mudar,

mas, entendo vc.
Abraço,

Ester

Eliane Pechim disse...

Eu acho que sem sonho ninguem faz nada na vida. Somos movidos a isso. Quero dizer, nao sei mais. Mais e mais vejo pessoas fazendo coisas mecanicamente: escolhem a carreira que nao gostam mas que supostamente da dinheiro, casam antes da hora porque a pressoa é grande, tem mais filhos do que podem bancar porque a igreja incentiva, compram o celular da moda porque todos os amigos ja tem, trabalha para comprar coisas que acham de que precisam quando na verdade nem se perguntaram se realmente as querem. Resta muito pouco espaço para o sonho hoje em dia, para o que as pessoas de fato querem fazer, sentir, gostar. E quem sonha muito é chamado de iludido. Mas nao foram os grandes sonhadores que realizaram as coisas mais significativas e incriveis da historia da humanidade? Nao foram eles que mudaram nossa historia e os rumos da nossa existencia? Esses certamente nao se deixaram abater diante dos obstaculos nem tampouco seguiram a cabeça da maioria so porque era moda ou mais aceitavel socialmente. Tenha uma boa quinta-feira!

Tucha disse...

Um equilibrio cotidiano, entre o "feijão e o sonho", ou seja a busca da sobrevivencia e a da realização dos sonhos. E nesta caminhada vamos construindo a felicidade possível.

Camille disse...

Oi Georgia,
Que coincidencia, hoje pensei em escrerver sobre alguns dos meus sonhos que tive que deixar de lado temporariamente, para abraçar outros. Lindo post o seu.
Beijos da Cam

Mahria disse...

Lendo esse post lembrei dessa canção de Nani Azevedo

"Os sonhos de Deus, são maiores que os meus,
Ele vai fazer o melhor por mim,
Ele vai além do que eu posso ver
Ele faz o que eu não posso fazer."


Ando tão sem forças pra sonhar.

Beijos
Mah

Ivana disse...

Georgia, tomara...
Agora estou melhor, mas eu estava daquele jeito que falastes: sem forças pra prosseguir!
Que os anjos te ouçam!
Beijos!

Selena Sartorelo disse...

Olá Georgia,

Quantas verdades escritas aqui..Há tempos reflito sobre os sonhos que tenho e mais do que isso, o que sempre foi possível e hoje está entrando para essa esfera.
Com todas as dificuldades só posso ainda dizer que fico triste por muitas coisas mas tenho uma familia e amigos que me faz muito feliz e é o que me dá força para continuar alimentando o sonho de viver e não apenas sobreviver.


Beijos

Georgia disse...

Oi xará, amei o texto!! Quando eu estiver desiludida de meus sonhos vou voltar aqui pra ler de novo. Esse texto da um novo gás, um ânimo a mais, ADOREI!!!
Bjus!!

Maria Augusta disse...

Georgia, "sonhar é bom mas é preciso despertar para realizar os sonhos", como diz a Lunna. E quando acordamos as circunstâncias nem sempre nos permitem realizá-los, neste caso é preciso criar outros sonhos, e esta caminhada na busca deles é a vida. Se não sonharmos, apenas sobreviveremos...
Beijos e um lindo dia para você.

Bergilde Croce disse...

Uma injeção de otimismo é sempre necessário para viver!
Abraços,Bergilde

VASCODAGAMA disse...

Entrei sem licença pedir; gostei e fiquei a sonhar; sonhos sem côr nem tamanho....que são pra realizar... sonhos alimentam a vida.....não espere pra continuar.... a SONHAR....SEM PARAR


VOU VOLTAR
BEIJO DUMA PORTUGUESA

Albuq disse...

Oi Georgia!
Precisava ler seu texto hoje, porque corro tanto e parece que o sonho corre mais rápido. Ás vezes tenho a sensação de não chegar, mas, não desisto deles!
bjssssssssss

Pedrita disse...

raramente eu sonho em branco e preto. beijos, pedrita

sonia a. mascaro disse...

Georgia,
É sempre bom relembrar quais eram os nossos sonhos... sejam os que tivemos na infância, na juventude... e assim por diante.
Hoje estou pensando nos meus...
Obrigada pela lembrança.
Beijos.

Lunna Guedes disse...

Engraçado porque os meus sonhos sempre foram meus e não relativos a coisas de um país ou outras pessoas. rs
Mas as pessoas potencializaram os sonhos, elevando-os a casa das condições sociais. Eu sonho com um campo verde e vento, sol ameno e árvore frondosa, mato alto e som das águas e quando acordo escrevo poesias geralmente vestindo essas sensações que me acompanham desde a infância. rs
Bacio carissima

Cida disse...

Pois é Georgia, parar de sonhar é morrer um pouco.
Temos que continuar perseguindo nossos sonhos, sem ligar para os obstáculos, que, com toda certeza, sempre existirão.
No final, o mais difícil acaba tendo mais valor, pois naquela busca, crescemos mais como ser humano e aprendemos a valorizar cada etapa, cada ajuda extra, e ficamos sabendo que se não corrermos atrás, as coisas não nos vem de "mãos beijadas".

"Pedras pelo caminho...junto todas, pois um dia vou construir o meu castelo".

Beijos e fique com Deus

Cid@

Allan Robert P. J. disse...

Georgia,

Sou persistente e otimista, mas sou feliz com o que possuo. Claro que um pouco mais de segurança econômica não faria mal, mas tenho uma vida tranquila e uma família adorável.

Continua valendo o que você escreveu: não desistir dos próprios sonhos.

:)

Ana Filipa Oliveira disse...

Aqui estou! Que tenhamos sonhos e que eles, se agora nao têm cor, venham a ter. Obrigada pelas inspiracoes.

Sonhos & melodias disse...

Georgia,
Sem sonhos, o ser humano não sai do lugar. É muito triste ver alguém que não sonha com nada nem ninguém. A vida fica sem graça, sem brilho. Sou uma sonhadora assumida e já concretizei alguns.
Bjs

João Menéres disse...

Sempre sonhei bem acordado.
Espero continuar a sonhar desperto.
A maior parte dos sonhos imaginados foram e têm sido realizados.
Uns mais depressa, para outros, é preciso aguardar um pouco mais.
Mas, até fazer a "última viagem" eu tenho todo o tempo do mundo para ir sonhando.

Difícil é a questão nuclear que levantas, pois estamos fartos de revoluções e promessas.
E o pior de tudo, é a CORRUPÇÃO que reside em todo o lado!

Tinhas razão quanto à cor azul no quarto de dormir.
Fiz confusão, GEORGIA.
O AZUL transmite tranquilidade !

Um beijo.

Monica Loureiro disse...

Georgia, eu sou uma sonhadora de carteirinha....É importante ler posts que me lembrem disso.

Fique com DEUS.

Gosto muito do seu BLOG.

Sonia H disse...

Georgia,

Como sempre, sábias palavras!
Temos de ter cuidado para não matarmos nossos sonhos. A correria do dia-a-dia muitas vezes nos deixa cansados, sufocados e esquecemos deles, como você diz. Eu tenho muitos sonhos, da cor do arco-íris :-) Lutar para realizá-los é uma obrigação nessa vida. Eu nunca desisto dos meus sonhos, apesar dos altos e baixos da vida.
Beijos,

Gisa disse...

Ai Geo as vezes é complicadíssimo sonhar, mas estamos ai... sonhando assim mesmo rs

Katia Bonfadini disse...

Georgia, amei seu texto e concordo com você, mas acho que não podemos desistir de sonhar... eu tenho alguns sonhos, mas tento frear a ansiedade (coisa difícil!!!!) e ver se o destino me dá uma mãozinha no que pretendo conquistar. Enquanto isso, vou tentando fazer o que gosto e pensando de forma positiva! Ótima mensagem e texto muito bem escrito, parabéns!!!!

Dalva disse...

Infelizmente é verdade: nossos sonhos por uma sociedade melhor terminam sempe numa grande frustração... tornando nossos sonhos meio que "acinzentados". A da dia está mais difícil usar aquele "óculos cor de rosa" que usávamos quando crianças para assistir a tv em preto e branco (lembra??? rsrs). Mas o que não pode sair da nossa mente é a certeza de que Deus tem um sonho prá nós... e que ele é bem colorido! Façamos a nossa parte, e Ele certamente virá em nosso auxílio!

Bom fim de semana, beijos!

Barbara disse...

Meu sonho é um caleidoscópio.
Vai mudando mas a prioridade do setor sonhos é o sonho dos filhos, o bem estar deles.
De resto, sobra a imaginação prás outras coisas.
Obrigada.

Cris Caetano disse...

Eu achava que não, mas venho percebendo que sou uma sonhadora. Às vezes a realidade dura bate forte, me balança, eu quase caio mas volto a sonhar.
Acho mesmo que se nasce sonhador, eu teria muitos motivos para não sonhar mais, mas eu associo essa capacidade à minha fé, tenho muita, acho que vem daí.

Beijão